A Empresa Pode Dar Baixa Na Carteira Antes De Pagar A Rescisão

Carteira de Trabalho

Neste texto falaremos se a empresa pode dar baixa na carteira antes de pagar a rescisão, uma dúvida que costuma aparecer com frequência entre os leitores, e pode gerar diversas questões sobre como esse processo é realizado.

Primeiramente é importante dizer que a CTPS ou Carteira de Trabalho é um documento no qual se encontram registrados todos os trabalhos registrados através da CLT de uma pessoa. Aqui, também é possível verificar informações sobre números de identificação laboral, sua progressão de salários, férias, entre outras questões importantes.

Esse documento é fundamental durante a vida laboral, já que será solicitado a cada mudança de emprego, pagamento de licença, entre outras questões que são importantes. Para o seu registro de cargos e empresas onde laborou ao longo da sua vida e também para conseguir visualizar em que momento você entrou ou saiu de uma empresa.

E, é justamente essa transição entre sair e ingressar a um novo emprego que costuma dar um pouco de confusão em aqueles que não conhecem por completo esse processo, e aqui o ajudaremos brindando mais informações.

Dar baixa na CTPS é quando o contrato entre uma empresa e um funcionário é encerrado. Sendo assim, não importa se você tiver sido demitido ou se demitir, terá que levar a sua carteira de trabalho para o empregador ou departamento de RH para que consiga desvincular perante o contador e o Ministério do Trabalho que um funcionário não faz mais parte do quadro.

Sendo assim, no momento da baixa da carteira a empresa deve fornecer ao agora ex-funcionário um dia exato onde sua rescisão será acertada. Levando em consideração que o trabalhador conta com até 2 anos para entrar com uma ação perante o Ministério do Trabalho caso não tenha o valor acertado.  Contudo, não precisa se preocupar, já que o prazo padrão é de até 10 dias para o pagamento.

A Empresa Pode Dar Baixa Na Carteira Antes De Pagar A Rescisão
A Empresa Pode Dar Baixa Na Carteira Antes De Pagar A Rescisão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *